O meu filho tem uma micose nas unhas - o que posso fazer?

É bastante frequentes as crianças desenvolverem micoses nas unhas, particularmente nos pés.
Geralmente são situações que se manifestam por unhas mais grossas, amareladas e que se "desfazem" e que são muitas vezes difíceis de cortar (parece que crescem menos do que as outras).

Trata-se de uma situação que normalmente não causa nenhum desconforto, mas que do ponto de vista estético acaba por não ser muito agradável.
 

O tratamento passa sempre pela administração de um xarope ou comprimidos (depende da idade da criança) com efeito antifúngico, pois só dessa maneira se consegue garantir a erradicação do fungo. Há uns vernizes que podem ser aplicados, mas isoladamente não garantem uma eficácia significativa, pelo que não são uma boa opção quando usados sozinhos. Há vários esquemas de tratamento, mas de um modo geral todos implicam uma duração considerável, particularmente para as unhas dos pés.
 
Muitas vezes só se consegue observar o resultado ao fim de 2-3 meses, pois começa-se a ver a unha "normal" a crescer e "empurrar" a outra. O aspecto amarelado e mais grosso não desaparece, mas como não se prolonga vai sendo empurrado de forma contínua, até deixar de existir.
 
É uma situação contagiosa, mas que só afecta as unhas, pois o fungo não é o mesmo de outras micoses, como o "pé de atleta", por exemplo.

Fonte: Hugo Rodrigues (pediatra) - http://blogpediatriaparatodos.blogspot.pt/ - 2014